Roadtrip Day 5:Viagem a Monterey

O dia amanheceu bem nublado e chuvoso e agradecemos por não termos nenhum passeio agendado no dia. Iríamos sair de San Francisco e ir em direção a Monterey, cidadezinha linda ao sul de San Fran.

E como não estávamos com pressa, fizemos o percurso (que normalmente dura 1h) parando em vários lugares para apreciar a vista e aproveitar a viagem.

Ao longo do caminho fomos parando em vários mirantes para apreciar a vista, já que estávamos dirigindo pela Highway 1, considerada uma das estradas mais lindas dos EUA, já que ela acompanha o mar, ou seja, durante quase todo o trajeto nós tínhamos o Pacífico como companhia.

img_7532

Dirigindo pela Highway 1

Nossa primeira parada oficial foi na praia de Half Moon Bay.

DICA: Não pare dentro do parque, você terá que pagar uma taxa de $10 para estacionar o carro lá dentro, e é possível estacionar do lado de fora.

Como não sabíamos dessa taxa, paramos lá dentro. O dia estava bem cinza e com muita neblina, e friozinho, daqueles de ficar debaixo das cobertas vendo filme. Queríamos ficar menos tempo, mas como pagamos a taxa ficamos mais, haha.

DCIM103GOPRO

Dois japas em Half Moon Bay

img_1303

Depois seguimos para o Pigeon Point Lighthouse, um farol que também é um hostel da rede Hostelling International. É muito lindinho lá, com uma vista incrível e também com informações sobre o farol (tipo um mini museu) e a vida marinha da região. Vale muita a pena a visita e você não precisa pagar para visitar, mas pode deixar uma gorjeta para contribuir para a conservação do lugar.

img_7555

img_7557

Visão Panorâmica do Farol

img_7573

img_7617-1

img_0680

O farol que está para restauração

O farol não funciona mais já que foi deteriorado pelo tempo, e eles estão arrecadando fundos para a restauração do mesmo.

De lá fomos para o nosso destino final do dia, a cidade de Monterey. Chegamos lá por volta das 15h e fomos em direção a nossa hospedagem, o Hotel Abrego. O hotel é naqueles estilos boutiques e não o café da manhã não estava incluso na diária, mas ele é novo, bem aconchegante e cerca de 10 minutos a pé do Old Fisherman’s Wharf, o antigo pier da cidade.

Ele é uma miniatura do pier de San Francisco, com lojinhas, restaurantes, turistas, mas bem menor se comparado ao de San Fran.

img_7583
Old Fisherman’s Wharf de Monterey

Continuamos a caminhada (longa, porém tranquila) até o Cannery Row, um local que reúne vários prédios que serviam de sede para fábricas de sardinha e que hoje se transformaram em lojas e restaurantes. É lá também que fica o centrinho mais animado da cidade, com os hotéis mais caros e o famoso Aquário de Monterey (aquele que aparece no filme Procurando Dory).

img_7584-pano

A vista durante a caminhada

DCIM104GOPRO

img_7597

Cannery Row

Como já estava escurecendo e estávamos cansados da caminhada, decidimos jantar e escolhemos o famoso e primeiro Bubba Gump (do filme Run Forest Run) do mundo para comer.

Se você não gosta de nenhum tipo de frutos do mar nem vá. Mas para quem gosta é o lugar perfeito. Pedimos dois pratos incríveis e deliciosos que recomendo a todos (e olha que eu não sou muito fã de alimentos marinhos).

DCIM104GOPRO

Run Forrest Run

Depois de alimentados, exploramos mais um pouco o centrinho e voltamos para a casa de uber, pois estávamos cansados.

DICA: Faça tudo durante o dia, pois a cidade, por ser pequena e pacata, por volta das 20h já não tem quase ninguém na rua e os estabelecimentos também estão fechados.

See ya wanderlusters.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s